Encante-se com a beleza da Flor de Cera

  • 05 de dezembro de 2017
  • Categoria: Dicas
Originária da Ásia e muito popular na Oceania, a Flor de Cera (Hoya carnosa) pertence à família das Asclepiadáceas e é considerada uma espécie trepadeira. Seu nome se dá por causa da aparência de suas flores, que quando totalmente abertas possuem uma aparência aveludada, lembrando pequenas estrelas adocicadas.

O cultivo da Flor de Cera é considerado de fácil manutenção, uma vez que a espécie se multiplica através de estacas ou galhos. Para o plantio da semente, recomenda-se que o solo seja bem drenado, onde o fundo do vaso ou do recipiente possua areia na proporção 2 para 1 e a terra seja misturada com matéria orgânica.

Sua rega deve ser feita regularmente, respeitando o espaço de duas semanas nas épocas mais quentes do ano, permitindo que o solo drene completamente a água após a irrigação. A espécie não se desenvolve em solos encharcados e necessita de luz solar a meia sombra, já que a incisão de luz solar direta queima suas folhas e não permite seu desenvolvimento.
No inverno, é recomendável que a rega seja suspensa.

A utilização da Flor de Cera se dá principalmente com objetivo decorativo, em pérgolas e arcos localizados em jardins e entradas de casas. Uma dica importante para que o efeito visual fique ainda mais bonito é plantar várias mudas da planta num mesmo vaso, para que elas cresçam e formem um buquê mais denso a medida que tomam o espaço. A espécie também é uma ótima opção para ser plantada em jardins suspensos, ao ficar pendente nos vasos. 

Sua manutenção exige cuidados simples, como a retirada das folhas amarronzadas e das flores murchas, para que os nutrientes retirados da terra não sejam desperdiçados. Quer mais um bom motivo para cultivar a Flor de Cera em casa? Ela é uma poderosa aliada na remoção de agentes poluentes do ar. Tudo de bom!

Compartilhe este post com os amigos e não esqueça de curtir nossa página no Facebook através do link fb.com/jardimdasideiasstihl
Comentários
Voltar para a página inicial