Vida na água: conheça algumas espécies de plantas aquáticas e seus cuidados básicos.

  • 14 de outubro de 2016
  • Categoria: Dicas
Elas trazem um efeito deslumbrante para os ambientes com água. Independente do estilo ou tamanho do ambiente, as plantas aquáticas oferecem diversidade, beleza e baixa manutenção. Ideias para lagos, espelhos d'água, cascatas, fontes ou aquários, elas têm o poder de deixar o ambiente mais relaxante e zen. Existem diversas espécies com diferentes características, e cada uma delas tem um ambiente ideal. Ninfeias, aguapés, vitória-régia, lótus e papiros estão entre as espécies mais utilizadas em projetos de decoração, além de trazer vida e embelezar o espaço com água.

Modernas, elas podem ser utilizadas tanto na parte interna quanto externa, e possuem diferentes categorias: fixas, flutuantes ou submersas. Para lhe ajudar a escolher a planta aquática ideal, confira algumas dicas de cuidados e comece a renovar sua decoração.

Qual a planta ideal?
Cada planta possui um habitat mais favorável e cuidados diferentes. As plantas fixas possuem raízes e precisam de espaço para se desenvolver, por isso são ideias para lagos ou espelhos d'água, como a vitória-régia e a flor-de-lótus. As plantas flutuantes como os aguapés e salvínias possuem multiplicação rápida e não tem raízes fixas. Essas espécies podem ser cultivadas em fontes, espelhos d'água e até mesmo bacias. Já as submersas são ideias para decorar aquários ou serem plantadas no fundo de lagos. A erva-de-cabelo é uma espécie que além de decorar ainda ajuda a filtrar a água.

Como cuidar de uma planta aquática?
Para ter sucesso com o cultivo desse tipo de planta é necessário cuidados específicos. É primordial que o espaço onde as plantas vão estar receba a iluminação apropriada para a espécie, por isso, busque coloca-las em local que pegue, pelo menos, quatro horas de sol (por dia). A fertilização correta também é um fator decisivo para o desenvolvimento dessas plantas. Utilizar cápsulas de fertilizantes sob o solo é uma das opções mais comuns, pois assim os nutrientes são liberados diretamente na raiz e não incentivam a proliferação de algas na água. São cuidados básicos, mas que garantem que a sua planta terá vida longa e saudável.

Essas plantas trazem beleza e diversidade para o local, além de tornar a decoração muito mais interessante. Escolha a sua e comece a cultivar uma vegetação na água!

Posts Relacionados

Comentários
Voltar para a página inicial