Fique de olho: plantas tóxicas podem matar

  • 26 de julho de 2016
  • Categoria: Dicas
  • Antúrio
  • Alamanda amarela
  • Espirradeira
  • Euphorbia pulcherrima
  • Saia branca
  • Camara
A manutenção do jardim é muito mais do que um momento para curtir as cores da natureza. Ao lidar com a terra, galhos, flores e caules, é preciso ficar de olho em algumas espécies. Existem plantas com alto grau de toxidade e que podem trazer péssimas consequências para a saúde de quem tem contato direto. 

Se você é fã dos trabalhos manuais e adora passar algumas horas no jardim, preste atenção nessa matéria. Grande parte das plantas e flores cultivadas nos quintais podem motivar alergias, irritação nos olhos, tosse e até mesmo fechamento total da glote. Veja quais são as mais perigosas para a sua saúde. 

6 plantas tóxicas para ficar de olho

1. “Bico de Papagaio” (Euphorbia pulcherrima) e Antúrio (Anthurium andraeanum)
As duas plantas contém látex no interior de sua seiva. Essa substância é extremamente venenosa e pode causar alergias em quem o manipula. 

2. “Comigo-ninguém-pode” (Dieffenbachia seguine)
Machuca toda a mucosa da boca, faringe e até as cordas vocais. Pode fechar a glote e causar a morte por asfixia. 

3. “Espirradeira” (Nerium oleander)
Comer o seu caule, flores e folhas pode resultar em parada cardíaca. Também causa sensação de enjoo, vômito, diarreia e dores fortes de cabeça. 

4. Camara (Lantana câmara)
Estimula o aparecimento de diarreia, vômito e sensibilidade a qualquer tipo de luz.

5. Alamanda amarela (Apocynaceae)
O contato direto com qualquer parte da planta promove o surgimento de dermatites espalhadas sobre a pele. Ela ainda pode motivar vômitos, diarreia, febre e inchaço na boca. 

6. “Saia branca” (Brugmansia suaveolens)
É planta alucinógena que pode causar taquicardia e sensações desconfortáveis. Ela ainda pode levar à morte se consumida em excesso. 

Posts Relacionados

Comentários
Voltar para a página inicial